terça-feira, 28 de junho de 2011

Cerveja Maracanã - Bolívia

     Boa noite amigos. Acredito que a lata que trago neste post é desconhecida para a maioria. Eu também nunca ouvi falar da cerveja Maracanã, e comprei esta lata, de um amigo colecionador recentemente, por curiosidade acreditando que tratava-se de uma cerveja nacional, mas me enganei. Esta é uma cerveja produzida na Bolívia e importada para o Brasil na década de 90.  Para comprovar que esta cerveja realmente é desconhecida, não encontrei sequer um registro desta cerveja na Internet, em diversos blogs cervejeiros; simplesmente a Cerveja Maracanã não existe na rede. Poderíamos colocar um anúncio de procurado, abaixo da foto da lata, pois realmente nada se sabe sobre quando começou a produção ou  se ainda é produzida, só sabemos que a fabricante é a mesma da cerveja Pacena Centenário já mostrada aqui neste blog . Por este motivo, acredito que este é um exemplar raro de uma cerveja provavelmente extinta, que certamente vou guardar com carinho em minha coleção.


Cerveja Maracanã - 355ml
Ficha Técnica:

Tipo: Cerveja
Nome: Maracanã
Tipo: Pilsen
Fabricante: Cerveceria Boliviana Nacional
Graduação Alcoólica: 4,8%
Capacidade da lata: 355 ml
Nacionalidade: Bolívia
Ano de Fabricação: 1997
Número na Coleção: 1029
Aquisição: Junho/2011

Por hoje é isso, até mais! Obrigado pela visita !

terça-feira, 14 de junho de 2011

Tipos de Copos para Cerveja

    


 Passeando por sites cervejeiros, encontrei no Cervejas do Mundo uma reportagem interessante, que compartilho na íntegra com vocês, caros leitores do blog. Trata-se de uma pesquisa sobre os copos indicados para cada tipo de cerveja, visando extrair o máximo de seu aroma e sabor. Várias cervejas Premium nacionais já disponibilizam kits especiais com copos adequados ao tipo da cerveja, como a Petra Aurum . A cerveja aos poucos vai mudando de perfil no Brasil, deixando as classes mais baixas da população e avançando ás classes mais abastadas.  Apreciar uma boa cerveja, tornou-se uma arte, tal como degustar um bom vinho. Segue abaixo, os copos para os principais tipos de cerveja:

Caneca/Mug/Stein - Pesada, resistente, larga e com uma pega, as canecas são mundialmente conhecidas e utilizadas. Mais ou menos engraçadas, vêm numa multiplicidade de formas e feitios e são excelentes para fazer brindes! Podem ser de vidro, cerâmica ou metal, por vezes têm uma tampa e o seu sucesso deve-se à quantidade de bebida que podem conter. Ideais para cervejas do tipo American Amber Ale, Roggenbier, Sahti, Irish Red Ale, Scottish Ale, Bock, Doppelbock, German Classic Pilsner, Bohemian Pilsner.

Copo para Witbier/Weizen - Nada sabe melhor do que beber uma Witbier no respectivo copo! Feitos de vidro fino, extremamente elegantes e compridos, estas autênticas obras de arte permitem admirar as cores da cerveja e o topo possibilita uma correcta expansão e desenvolvimento da cremosa espuma. Em geral, suportam até 0,5 litros de cerveja. Poderá utilizá-los com cervejas do tipo Dunkel Weizen, Gose, Weizenbock ou Hefe Weizen.

Copo em cilindro/Stange - Bastante comuns, estes copos em cilindro são de origem germânica e utlizam-se com cervejas delicadas, já que possibilitam a ampliação dos aromas e sabores do malte e do lúpulo. Em Portugal, é habitual servirem-se imperiais neste tipo de copos, apesar destes não serem os mais correctos. O cilindro é adequado aos géneros: Rauchbier, Altbier, Kolsch, Lambic-Faro, Lambic-Unblended.

Snifter - Um pouco maiores mas mesmo assim similares aos nossos cálices de brandy ou conhaque, estes copos têm um formato que os tornam excelentes para capturar os aromas de cervejas fortes, já que ajudam na sua preservação. Utilizam-se com Eisbocks, Barley Wine, Old Ale e Russian Imperial Stout.

Flauta/Flute - Estamos mais habituados a utilizar os copos em formato de flauta para beber champanhe ou espumante. No entanto, há cervejas que se dão muito bem com o formato destes copos. A sua elegância e o facto de serem esguios, assegura que o gás não se dissipa com muita rapidez, permitindo igualmente observar a cor e o corpo da cerveja com grande nitidez. Utilizam-se com os géneros Vienna, Schwarzbier, Lambic-Fruit, lambic-Gueuze

Pint/Becker/Tumbler - Quase cilíndrico mas bem mais largo do que o stange, o pint é bastante utilizado na Inglaterra e na Alemanha, por permitir beber vários tipos de cerveja, em grandes quantidades e por ter um desenho universal, barato e que possibilita um fácil armazenamento. É indicado para cervejas do tipo Smoked, Marzen/Oktoberfest, Steam Beer, Malt Liquor, Winter Warmer, Bitter e Pumpkin Ale, entre outras.

Pilsner - O copo de pilsner é o habitual copo das nossas imperiais. Entre as formas de um cilindro e de um cone, a sua estrutura permite manter a cerveja viva, para além de possibilitar a formação de uma boa espuma. Em Portugal, estes copos têm pouco mais de 0,2 litros mas em certos países da Europa podem chegar até aos 0,4 litros, como por exemplo na Alemanha e República Checa. São bons para os estilos American Macro Lager, Happoshu, German Classic Pilsner, European Strong Lager e Witbier.

Cálice/Goblet - São, em geral, autênticas obras de arte, muitos deles com dourado no rebordo, as letras da marca gravadas no vidro, chegando ao ponto de alguns terem relevo. São especialmente desenhadas para permitirem a manutenção da espuma  e a possibilidade de se darem tragos avantajados. São perfeitos para as Abbey Dubbel, Abbey Triple, Belgian Strong Ale e Flemish Sour Ale

Tulipa/Tulip - Também já algo habituais no nosso país, os copos em formato de tulipa são muito elegantes e permitem suportar cervejas que produzam grandes quantidades de espuma. Bastante típicos da Bélgica, são ideais para os estilos Scotch Ale, Saison, Bière de Garde e Belgian Strong Ale.
Até a próxima ! E beba com moderação !

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Cerveja Cristal - Chile

     Caros amigos, hoje trago aqui uma novata em minha coleção. Não é uma lata nova, mas sim uma jovem senhora, que possui mais de 15 anos. Trata-se da primeira lata Chilena em minha coleção,  trata-se da cerveja Cristal. Produzida desde 1850, em Valparaíso. É a principal marca do país, com maior tradição e também líder de vendas. Tem grande apelo popular, atualmente patrocinando o Colo-Colo, equipe de grande tradição no futebol chileno. Segundo os especialistas, é uma cerveja Pilsen, com leve amargor e coloração clara, no mesmo estilo das principais marcas Brasileiras. 

Cerveja Cristal - 330 ml


Tipo: Cerveja
Nome: Cristal
Tipo: Pilsener
Fabricante:
Companhia Cervecerias Unidas
Graduação Alcoólica: 4,6%
Capacidade da lata: 350ml
Nacionalidade: Chile
Ano de Fabricação: 1995

Por hoje é isso, e em breve trarei algumas latas novas do Chile ! Até mais !

Cerveja Royal Dutch Premium Special - Bélgica

     Nos últimos dias, chegou em um supermercado de minha cidade um lote de cervejas importadas, que ainda não tinha visto por estas bandas. Como sempre, não aguentei e acabei comprando. Uma destas cervejas que comprei, é a Royal Dutch - Post Horn Gold. O que a diferencia da versão original é o que me chamou a atenção - graduação alcoólica de 12%. É quase o triplo de uma cerveja normal. Hoje não falarei da marca Royal Dutch, mas sim da experiência de beber esta cerveja diferenciada e especial. Ao servi-la, já se percebe algo diferente: sua coloração dourada muito forte, quase escura. O aroma encorpado, cheiro forte, porém agradável.  Em relação ao sabor, trata-se de uma experiência única (não necessariamente prazeirosa) : um sabor totalmente diferenciado, com o gosto forte do álcool, como em uma bebida destilada. No popular, parece que estamos bebendo cerveja com vodca, realmente muito diferente do convencional. Uma cerveja forte, encorpada, com sabor marcante do álcool que se faz presente em grande quantidade, e bastante gás. É uma cerveja para ser: experimentada, analisada, degustada, mas não para se beber em um almoço de domingo. 


Bebida: Cerveja
Nome: Royal Dutch - Post Horn Gold
Tipo: Lager Premium
Fabricante: Inbev
Graduação Alcoólica: 12%
Capacidade da lata: 500ml
Nacionalidade: Bélgica
Ano de fabricação: 2011

Obrigado pela visita, e se possível deixe um comentário ! Até mais !

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Cerveja Konig - Alemanha

     Boa tarde, caros amigos. Trago aqui uma lata, que já havia aparecido aqui no blog, no post Viagem à PG . Como a alguns dias, degustei esta cerveja, venho neste espaço mostrar minha opinião a respeito. Primeiramente, a descrição comercial do fabricante: "Cerveja que representa de forma clássica o estilo German Pilsner. Possui um conjunto bem balanceado, trazendo o malte muito bem equilibrado com o lúpulo, este em dosagem generosa, proporcionando forte amargor e final longo."  
     Em minha modesta opinião esta cerveja é uma clássica alemã: aroma desagradável, amargor forte e intenso, coloração dourada bem escura.  Resumindo: não é uma cerveja que vai agradar o paladar de muitos.  Eu e meu irmão não conseguimos bebê-la até o final, pois o amargor acaba ficando muito forte e desagradável. Não gostei. Mas valeu pela experiência. Para quem gosta de cerveja amarga, é um prato cheio.


Ficha técnica:

Bebida: Cerveja
Nome: Konig 
Tipo: Pilsner
Fabricante: Bitburger
Graduação Alcoólica: 4,9%
Capacidade da lata: 330ml
Nacionalidade: Alemanha
Ano de fabricação: 2011


Até a próxima ! Obrigado pela visita ! Veja também o post da Kaiserdom, cerveja alemã de 1 litro.


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...